Confiança à venda no supermercado

7 de janeiro de 2019 Posted by Tecnologia, Tendências 0 thoughts on “Confiança à venda no supermercado”

Blockchain pode transformar o setor de alimentos, oferecendo segurança e transparência nas transações.

A tecnologia blockchain cresceu com seu uso atrelado às criptomoedas, em especial a Bitcoin, como já falamos aqui no blog.

Sua capacidade de garantir transparência e inviolabilidade incentivaram as pesquisas em novas aplicações e uma das mais recentes é o uso na cadeia alimentícia.

Assim como bancos, seguradoras e outras organizações cuja capacidade de oferecer segurança é a base do relacionamento, também o setor de alimentos, do produtor às gôndolas dos supermercados, está de olho em sistemas baseados em blockchain. A tecnologia pode transformar toda a indústria da alimentação, ao aumentar a governança e colaboração entre os participantes.

Olhem alguns dos exemplos que vimos:

  • Clientes podem rastrear a origem de suas verduras em segundos, por meio de aplicativos capazes de ler o código de barras (ou QR Code), encontrando o fazendeiro, local e data de específica de produção.
  • Compradores podem identificar a cadeia de distribuição e logística envolvida nas operações de importação, reduzindo fraudes e garantindo a qualidade do produto. Aquele café da Etiópia? O pistache do Irã? A manteiga holandesa? Redes terão acesso ao caminho do país de origem à prateleira, identificando navios, portos e galpões de armazenamento.
  • Pequenos produtores terão a capacidade de associar a seus vinhos, queijos e maçãs as informações detalhadas do processo de produção, do fertilizante utilizado ao descarte das embalagens, passando pelas condições de trabalho e clima.

Não é possível determinar com certeza, no atual estado, se o blockchain será capaz de entregar todas as expectativas depositadas na tecnologia. Sua expansão enfrenta desafios que vão do frágil arcabouço legal e fiscal ao consumo exagerado de energia. É, entretanto, a aposta em andamento. Redes americanas já usam o sistema, e as agritechs estão em alta.

A segurança é sua maior qualidade. Por meio de uma rede de blocos de dados, encadeados por códigos criptografados como em uma corrente, as informações sobre as transações em Bitcoin ficam disponibilizadas para todos os usuários, garantindo a transparência e inviolabilidade da cadeia. A rede Blockchain abriga também outros tipos de informação – embora os dados da Bitcoin ocupem hoje sua maior parte –, e, em um futuro próximo, ela seja usada de forma estratégica para uma série de outras aplicações.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O blog de ideias da GoToData

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn